Alvo confirma a sua qualidade

Mês novembro

Alvo confirma a sua qualidade

Data 21/11/2012

A Alvo (www.alvo.com) é, desde 2011, certificada pela ISO 9001:2008 no âmbito “Serviços e soluções de tecnologias de gestão”. No passado dia 19 de Novembro, teve lugar a primeira auditoria de acompanhamento realizada pela APCER com o objectivo de avaliar a eficácia do sistema de gestão da Alvo (SGQ).

Esta auditoria foi passada com distinção, sem nenhuma não conformidade a assinalar. A entidade certificadora destacou ainda como aspecto positivo, o facto do sistema de gestão estar baseado em recursos de TI, nomeadamente o ERP Primavera e o Microsoft Dynamics CRM (que funcionam de forma integrada com um conector desenvolvido pela Alvo e que pode ser adquirido por outras empresas).

“Nesta auditoria foi ainda constatada a enorme focalização no cliente, o que nos deixou muito satisfeitos, pois este sempre foi um dos grandes pilares da nossa cultura, que existe desde a génese da Alvo e que é bem patente em todos os elementos da nossa equipa”, comenta Sílvia Carvalho, Dir. Marketing e Comunicação e responsável pelo SGQ da Alvo.

Sobre a Alvo
Fundada em 1991, a Alvo tem crescido de forma notável e sustentada com uma estratégia de serviços de qualidade e uma política de desenvolvimento de parcerias de sucesso com as melhores empresas de tecnologias como a Primavera BSS, Microsoft e GFI. Com uma equipa de 36 colaboradores, a Alvo já realizou projectos em cerca de 3600 empresas – dos sectores público, financeiro, farmacêutico, entre outros – em Portugal, Moçambique, Angola, Cabo Verde e Macau, tendo registado em 2011 um volume de negócios de 2,4 milhões de euros. A Alvo foi inclusivamente distinguida em 2009 com o estatuto de PME Excelência – atribuído pelo IAPMEI (Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação). A Alvo obteve em Dezembro de 2011 a certificação ISO 9001 concedida pela APCER.

Para mais informações contacte

  • Sílvia Carvalho

    Marketing, comunicação e média

  • 217221100

    ou nº grátis: 800 789 789

  • [email protected]

    Questões ou sugestões

Imagens e documentos para esta notícia

Subscreva a nossa newsletter