800 789 789

Deseja ser contactado ou tem alguma questão acerca da nossa oferta?







Gestão em tempo de pandemia: saiba o que mudou nas empresas

A pandemia da Covid-19 veio obrigar as empresas a adaptarem os seus métodos de trabalho e a repensar estratégias, acelerando a transformação digital. Conheça as principais mudanças e as ferramentas fundamentais para se adaptar à nova realidade.


O novo coronavírus surpreendeu o mundo com uma pandemia de características sem precedentes que, devido à necessidade de distanciamento social, obrigou à maioria das empresas a fecharem escritórios e a mudarem a sua forma de operarem.
 

Muitos negócios não estavam preparados para um cenário de pandemia. A generalidade dos seus planos de contingência foram pensados para responder a outros tipos de calamidades, como catástrofes naturais, que têm características totalmente distintas. Assim, foi grande o número de empresas que foram apanhadas desprevenidas perante algo inesperado.
 

Mas as empresas têm vindo a ajustar-se, implementando várias mudanças nas suas rotinas, com efeitos a curto prazo e, provavelmente, com repercussões nas próximas décadas. Algumas das transformações, como a transição para o digital, já correspondiam a tendências pré-pandemia, mas só agora começam a tornar-se mainstream.
 

Vejamos algumas das mudanças que a pandemia trouxe ao mundo da gestão das empresas:

 
 

Ascensão do trabalho remoto

Se a pandemia de Covid-19 tivesse ocorrido há vinte anos, os efeitos na economia, nas empresas e nos trabalhadores, teria tido um efeito muito mais devastador. É que as ferramentas tecnológicas para trabalho à distância estão a revelar-se providenciais para enfrentar o confinamento geral e atenuar os seus efeitos económicos.
 
O trabalho remoto já vinha ganhando espaço no mercado laboral, mas muitas empresas ainda não eram adeptas do modelo. Com a pandemia, o home-office revelou-se a solução ideal para evitar contactos entre pessoas, ao mesmo tempo que os negócios se puderam manter.
 
Em muitos casos, toda a empresa se tornou virtual e o teletrabalho deixou de ser uma alternativa para ser uma necessidade. Hoje, graças às ferramentas de teletrabalho disponíveis, as empresas conseguem fazer tudo de forma remota, inclusivamente atividades que há pouco tempo eram vistas como totalmente dependentes da presença física.
 
Entretanto, os colaboradores descobriram que o trabalho remoto lhes permite maior produtividade e flexibilidade horária, enquanto as empresas começaram a perceber o potencial de poupança nos gastos com postos físicos de trabalho, beneficiando com a redução do investimento em instalações e a diminuição de algumas camadas de gestão nas equipas.

Gestão

Maior flexibilidade horária


O aumento do teletrabalho trouxe grandes mudanças nas rotinas dos trabalhadores que, de repente, se viram durante meses em casa, com as vantagens e as desvantagens que essa mudança implica. Um dos mais importantes benefícios foi o da flexibilidade horária. Muitos trabalhadores podem agora ajustar as suas necessidades individuais aos interesses da empresa, alcançando um equilíbrio entre vida pessoal e profissional, sem que para tal tenham de ver reduzido o seu tempo de trabalho.
 
Os formatos de flexibilização horária podem passar pela isenção de horário, banco de horas, concentração de horário, part-time ou simplesmente a liberdade de definir o horário que se ache adequado.
 
Esta mudança está a acontecer um pouco por todo o mundo, e com efeitos prolongados. Vejam-se os gigantes tecnológicos: a Google e o Facebook comunicaram que a maior parte dos seus funcionários continuará em regime de home-office até o início de 2021 e o Twitter foi mais além, permitindo aos funcionários ficar a trabalhar de casa todos os dias, se assim desejarem, até quando acharem adequado.

Contratação à distância


A pandemia está a trazer grandes desafios para a gestão de pessoas nas empresas. A maioria das equipas de recursos humanos viu-se de um dia para o outro na impossibilidade de recrutar de forma presencial, sem ter tempo para fazer uma transição planeada para o recrutamento por meios digitais.
 
Mas as ferramentas ao dispor das empresas, como a plataforma colaborativa Microsoft Teams, estão a facilitar os processos seletivos, permitindo um recrutamento 100% online, facilitando o processo e até eliminando burocracias.
 

A consolidação da Cloud


2020 foi o ano da consagração definitiva da Cloud. A solução está a revelar-se uma vantagem competitiva para as empresas que já aceleraram a sua transformação digital. A Cloud é muito mais do que um arquivo para se guardar e partilhar ficheiros; é a solução que está a mudar o acesso ao trabalho, que passa a poder ser feito de qualquer lugar a qualquer hora, com todas as ferramentas e com a segurançaque existia no escritório.
 

A IMPORTÂNCIA DA TRANSFORMAÇÃO DIGITAL

O cenário de pandemia veio despertar a urgência em acelerar a transformação para o digital. As empresas mais ágeis estão a aproveitar a situação gerada pela pandemia para automatizar os seus sistemas, aumentar a sua eficiência, poupar dinheiro, impulsionar a inovação e expandir os seus negócios.
 
As empresas que ainda não estão a acompanhar esta transição, a ajustar o seu modelo e a adquirir as ferramentas adequadas vão passar por maiores dificuldades nesta adaptação. É essa a palavra-chave neste contexto: adaptação. O que significa para muitos negócios a aceleração da transição para o digital. E é a essas empresas em particular que a Alvo está disponível a aconselhar, ajudando-as na digitalização dos seus negócios graças à experiência comprovada por dezenas de implementações e casos de sucesso.
 

FERRAMENTAS PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL

Há um conjunto de ferramentas que são essenciais para agilizar a digitalização, sendo a mais importante um software de gestão, ou ERP. O ERP Primavera é o melhor software de gestão do mercado, uma solução que serve as diferentes áreas e funções dentro de uma empresa, permitindo que a informação circule facilmente entre departamentos e otimizando os processos internos. A última versão do ERP Primavera, a v10, conta com tecnologia 100% online, permitindo que o seu negócio prossiga remotamente.
 
Do ponto de vista complementar, são essenciais ferramentas de alojamento e colaboração seguras. Para se tornarem mais digitais as empresas podem mudar os seus servidores para a Cloud através do Microsoft Azure, disponibilizado pela Alvo. Esta solução permite, por exemplo, libertar-se do espaço físico do escritório. O escritório passa a ser em qualquer lugar, desde que haja acesso à internet.
 
Também essencial é o Microsoft 365, uma infraestrutura de trabalho centralizada e otimizada para a digitalização de processos, fomentando a colaboração e a mobilidade tão necessárias para encarar o contexto atual e futuro. A plataforma inclui o Microsoft Teams, a ferramenta mais conhecida do mercado para comunicação entre equipas.
 
 
A sua empresa ainda não começou o processo de transformação digital? Os especialistas da Alvo estão preparados para apoiar a digitalização do seu negócio, passo a passo. Para saber mais, contacte-nos pelo e-mail [email protected] ou ligue grátis 800 789 789.